A produção de Zaak

Nada é simples quando falamos de trabalhar só, onde você é tudo, esse é o problema quando uma só pessoa trabalha em algo complexo, onde você é animador, ilustrador, criador de rigg, roteirista, diretor, compositor e por ai vai, vou parar de esmorecer você, sobre uma produção, e o quanto trabalhoso é trabalhar de modo solo; bem! A passagens mais simples hoje em dia, graças aos software que abrange uma velocidade variada de acordo seu desempenho.

Vamos inciar com algo como ”Era uma vez”, onde entra a historia para começar a produzir algo que dará vida aos personagens , e sua jornada de aventura, surpresas e até mesmo pitadas sombrias para fazer o telespectador sentir uns calafrios, e medo que aconteça algo fatal ao seu protagonista favorito; e por ai vai toda sua criatividade na elaboração da história, mas vale lembrar você tem de entender seu ciclo, no caso do tema sobre ”Zaak”, se você não leu sobre , vou resumir um pouco e deixa o link abaixo dele, e seu avô; ”Zaak é um garotinho autista, mas que tem uma grande imaginação, e acha uma caixa que seria de seu avô”, agora entende oque é um ciclo, está meio resumido até demais devido ser um projeto pessoal meu, e sem spoiler(risos). Recomendo você pesquisar sobre oque seria um ciclo de um personagem e sua jornada, a jornada do heroi, existe métodos simples que resume isso perfeitamente, e te ajudará sem dúvida, e varia muito sobre cada personagem.

Modelo completo

A base de tudo de uma produção de um personagem é algo como essa imagem acima, geralmente são 5 poses principais , onde fica,( frente, 3/4, perfil, 3/4 de costas, e totalmente de costas) Essas são as principais, mas no Zaak usei apenas 4 posições de momento, pois ele é um personagem de pegada de animação econômica de movimentos rápidos, facilitando uma boa animação. Falta suas poses de ações e expressões para concluir com chave de ouro, é algo que estou trabalhando ainda, logo mais terá atualizações a respeito; pois bem, alem dessa produção, ainda falta a entrada dos cenários onde deixo para outra atualização.

O planejamento da cena e a parte mais cuidadosa onde você decidirá a cena onde seu personagem irá atuar, terá de ter alguns conceitos como a regra de enquadro, se assim o nome correto é a regra dos terços, onde você aprende a ter uma fotografia bem aplicada de uma apresentação de cena e cenário, mas isso ainda também estudo para entender melhor, por enquanto estou indo bem em criações.

No tradicional uso para deixar a animação mais fluida e de grande potencial, mas, preste atenção, não costumo finalizar toda a animação no tradicional, eu apenas uso para criar as chaves corretas, para assim , iniciar a animação com o personagem completo seguindo as chaves criadas no tradicional, assim colocando em pratica no software, onde as passagens chaves irão criar automaticamente, isso é otimo, o moho é o moho(risos).

Uma produção não é simples, mas pode ser otimizada, gerando uma demanda de acordo seu desenvolvimento. Este poste terá continuação (…)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close